segunda-feira, 30 de março de 2015

MST faz protesto e interdita BR-101 entre à Paraíba e Pernambuco(MST is prohibited protest and BR-101 between the Paraíba and Pernambuco)


Segundo a Polícia Rodoviária Federal, cerca de 200 manifestantes do MST interditaram os dois sentidos da rodovia(According to the Federal Highway Police, about 200 protesters MST sealed off the two-way highway)









Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) realizam um protesto desde o início da manhã desta segunda-feira (30), na BR-101, no trecho que fica na cidade de Alhandra, no Litoral Sul do estado. O acesso entre os estados da Paraíba e Pernambuco está intransitável. O motivo da mobilização ainda não foi divulgado.
Segundo a Polícia Rodoviária Federal, cerca de 200 manifestantes do MST interditaram os dois sentidos da rodovia. Ainda de acordo com a PRF, os participantes da mobilização atearam fogo em pneus, galhos de árvores e pedaços de madeira.
Um dos dirigentes estadual do MST, Augusto Berlamino, falou que os manifestantes exigem uma audiência com o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) para tratar sobre reforma agrária. Eles pedem ainda a desapropriação de parte da Usina Maravilha.
A PRF acompanha o protesto e orienta os motoristas que estiverem viajando da Paraíba para Pernambuco que desviem pela Usina Giasa – localizada no Distrito de Mata Redonda – saindo para Goiana-PE.
(Members of the Landless Rural Workers Movement (MST) held a protest since the early morning of Monday (30), the BR-101, in the section that is in the city of Alhambra, Litoral Sul state. Access between the states of Paraíba and Pernambuco is impassable. The reason for the mobilization has not been disclosed.
According to the Federal Highway Police, about 200 protesters MST sealed off the two-way highway. Also according to the PRF, the participants of the mobilization set fire to tires, tree branches and pieces of wood.
One of the state leaders of the MST, Augusto Berlamino, said that the protesters demand an audience with the National Institute of Colonization and Agrarian Reform (INCRA) to treat about land reform. They still ask the expropriation of part of the plant Wonder.
The PRF accompanies the protest and guides drivers who are traveling from Paraíba to Pernambuco to divert the plant Giasa - located in Mata Redonda District - going out to Goiana-PE.)



POSTADO POR: RANIERI BOTELHO
FONTE: PORTAL CORREIO
(POSTED BY: RANIERI BOTELHO
SOURCE: PORTAL MAIL)