terça-feira, 18 de outubro de 2016

PF TENTA DERRUBAR AVIÕES DO FORRÓ POR FRAUDES NO IMPOSTO DE RENDA!

PF CUMPRE EM SOUZA MANDADO DE BUSCA E APREENSÃO NA OPERAÇÃO FOR ALL.

Para investigar fraudes no Imposto de Renda que tem como alvo principal o grupo cearense Aviões do Forró.

Policiais federais estão na cidade de Sousa, no Sertão da Paraíba na manhã desta terça-feira (18), para cumprir mandado na Operação For All. Em Sousa é cumprido um mandado de busca e apreensão para investigar fraudes no Imposto de Renda que tem como alvo o grupo cearense Aviões do Forró. De acordo com a assessoria de comunicação da PF, o delegado federal de Campina Grande, Antônio Delsino de Casto está a frente da operação na cidade.

São 260 policiais federais e 35 auditores cumprindo 76 mandados judiciais, sendo 32 de condução coercitiva e 44 de busca e apreensão nas cidades de Fortaleza (CE), Russas (CE) e Souza, no Sertão da Paraíba. A Justiça Federal também decretou o bloqueio de imóveis e a apreensão de veículos pertencentes a pessoas ligadas ao grupo.

A empresa, que além da banda administra casas de shows, teria fornecido informações falsas para sonegar impostos. A investigação também levantou suspeitas de lavagem de capitais, falsidade ideológica e associação criminosa. A suspeita é de que os integrantes da organização procuravam se isentar da cobrança de tributos fornecendo dados falsos ou omitindo dados relevantes em suas declarações de imposto de renda pessoa física e jurídica.

O nome “For All” faz referência à expressão da língua inglesa “for all” (para todos), que deu origem ao termo "forró", essência musical da banda Aviões. "Há notícias de que no início do século XX, engenheiros britânicos instalados em Pernambuco para construir uma ferrovia, promoviam bailes abertos ao público (for all). Assim, o termo passaria a ser pronunciado "forró" pelos nordestinos", explicou a PF.

Uma entrevista coletiva será concedida, às 10h, no  auditório da Superintendência da Polícia Federal, em Fortaleza, no Ceará.






POSTADO POR: RANIERI BOTÊLHO
FONTE: CLICK PB